DSpace
Portal do Conhecimento
  Português | Inglês

Portal do Conhecimento >
Repositórios Científicos >
Uni-CV - Universidade de Cabo Verde >
Uni-CV - Produção Científica >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10961/4745

Title: CABO VERDE: DE UM “ESTADO INVIÁVEL” AO PRAGMATISMO NA POLÍTICA EXTERNA
Authors: Madeira, João Paulo
Keywords: Cabo Verde
Estado (In)viável
Política Externa
Desenvolvimento
Cape Verde
(Un)viable State
Foreign Policy
Development
Issue date: 2015
Publisher: REVISTA - Bogotá (Colombia)
Abstract: O artigo procura compreender de forma sincrónica as linhas fundamentais da política externa de Cabo Verde e seus reflexos nas relações internacionais, abarcando o período, desde a independência à actualidade. A perspectiva central é a de que a independência em 1975 representou uma nova era para o Estado de Cabo Verde, embora se tenha propalado a ideia de um Estado inviável. A estratégia para ultrapassar esta situação passava por uma aposta activa nas relações internacionais, nomeadamente numa política externa pragmática que se ajustasse num quadro de concertação e interacção com outros Estados. Procuramos, através de uma abordagem interdisciplinar e interpretativa, analisar os fenómenos sociais-internacionais que se configuram na política externa cabo-verdiana, sabendo que estes se relacionam tanto no campo da história e da sociologia como no campo da ciência política e das relações internacionais. Propõe-se novos desafios para a política externa cabo-verdiana, numa conjuntura internacional abalada pela crise financeira, uma aposta para uma maior integração regional no continente africano, aproveitando de forma estratégica o continente como nova fronteira de desenvolvimento.
The article seeks to understand, in a synchronous way, the fundamental lines of Cape Verde foreign policy and its reflexes in international relations, from the period of independence to the present day. The central perspective is that independence in 1975 represented to the State of Cape Verde a new era, although the idea of an unviable State had been announced. The strategy to overcome this situation involved an active bet on international relations, particularly in a pragmatic foreign policy that fitted within a framework of agreement and interaction with other States. We seek, through an interdisciplinary and interpretative approach, to analyse social-international phenomena that are configured in Cape Verdean foreign policy, knowing that they are connected both in the field of history and sociology and in the field of political science and international relations. We propose new challenges for Cape Verdean foreign policy, in an international context convulsed with financial crisis, a bet for a greater regional integration on the African continent, taking advantage, in a strategic way, of the continent as a new frontier of development.
URI: http://hdl.handle.net/10961/4745
Appears in Collections:Uni-CV - Produção Científica

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Madeira, J.P. (2016). CV. De um Estado Inviável ao Pragmatismo na Política Externa.pdf713,6 kBAdobe PDFView/Open
Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

NOSI Universidade do Minho  

Portal do Conhecimento  - Feedback - portaldoconhecimento@mesci.gov.cv - Tel. +238 - 2610232

Facebook